Perguntas frequentes

Água quebra o Jejum?


Não! Pode-se beber água, respeitando o hábito do paciente. É importante a pessoa estar hidratada para realizar os exames.




É importante informar ao Laboratório o uso de Vitaminas?


Sim, vitaminas são substâncias químicas que reagem em algumas determinações sendo importante notificar ao Laboratório. O uso de suplementos vitamínicos deve ser informado.




Posso fumar antes de colher o sangue?


Não deve. Porém há que se estar atento, pois a falta do fumo, para algumas pessoas, gera um poderoso interferente, que é o stress. O Paciente durante o teste não é permitido fumar.




Posso fazer uso de bebida alcoólica na véspera do exame?


Não deve. Mesmo 72 horas antes, a ingestão do álcool pode alterar principalmente o perfil lipídico (Triglicérides e Ldl-Colesterol) e exames que avaliam a função do fígado. Pode ser tolerado na véspera, pequena dose, por exemplo um cálice de vinho ou um copo pequeno de cerveja. Mais que isso, deverá aguardar 72 horas, no mínimo para a coleta.




Pode-se colher sangue gripada ou com febre?


Se for exame de rotina não deve, pois a virose e/ou febre causam alterações de parâmetros sanguíneos que são específicos do episódio viral/febril. Se for exame de urgência, pode. Neste caso, deverá ser informado ao laboratório o evento virótico/febril para auxiliar no diagnóstico.




Pode-se colher sangue menstruada?


Sim. É importante informar ao Laboratório a data do início da menstruação no caso de haver dosagens hormonais (a recepcionista questionará).




O exame de sangue tem que ser sempre em jejum?


Não. Hoje a flexibilização do jejum é uma realidade no laboratório Unilab, graças aos avanços da metodologia diagnostica e a estudos realizados sobre a necessidade do jejum. Sabe-se que o consumo de alimentos antes da realização dos exames, desde que habituais e sem sobrecarga de gorduras causa baixa ou nenhuma interferência na análise dos exames, inclusive o perfil lipídico (Colesterol total; HDL-col; LDL-col e triglicérides).

Há exames que ainda necessitam de jejum, como glicemia, insulina, teste de tolerância a glicose e lactose. É importante seguir as orientações do médico, pois há casos em que o jejum é solicitado pelo médico.

A flexibilização do jejum traz conforto e segurança para a saude dos pacientes que podem realizar estes exames em outros horários, evitando casos de hipoglicemia em idosos, gestantes, diabéticos e crianças.

Para a maioria dos exames o paciente pode coletar sem jejum após dieta leve (chás, café, leite, iogurte, frutas, biscoitos, lanches leves e leite materno). Se fez uma refeição mais calórica é recomendado jejum de 3 horas e máximo de 14 horas. Muito tempo em jejum não é recomendado, pois interfere nos resultados. Em caso de dúvida, consulte o médico e o laboratório.




O exame pode ser feito à tarde?


A maioria sim, consulte o laboratório para confirmar a preparação e o jejum quando necessário.




Posso fazer atividade física e depois colher o sangue?


Não, pois o exercício altera para mais ou para menos alguns parâmetros, por exemplo a glicemia pode diminuir. O exame CPK (Atividade do músculo) pode ter seu valor aumentado. Em caso de urgências, a coleta poderá ser realizada com restrição.




Por que o local da punção pode ficar roxo?


No local onde a agulha perfurou a veia, forma-se um pequeno coágulo. Um exercício, mesmo carregar peso, às vezes até a movimentação normal pode “tirar esse coagulo do lugar e o furinho voltar a sangrar”. O sangue sai da veia e se acumula por baixo da pele (esse é o hematoma). Um Hematoma é aquele roxo que fica também quando se bate a perna numa gaveta. Fica dolorido, pois a absorção do sangue produz substâncias que são irritantes produzindo uma mancha. Pessoas com veias finas, delicadas, uso de anticoagulantes e aspirina pode favorecer a formação de hematomas. Após a coleta, é importante fazer uma boa compressão no local, seguindo as orientações da coletadora.




Por que o exame de Cultura de urina não deve ser colhido em casa?


Porque o tempo entre coleta e processamento do material é fundamental. Quanto mais tempo passa, maior a chance de um resultado anormal. Colhendo no Laboratório, nós podemos ter um controle mais eficaz deste importante item e assim obteremos resultados mais confiáveis. Em caso de pacientes acamados, com severas dificuldades para locomoção, a urina poderá ser colhida e aceita com restrições.




Urina e fezes tem que ser colhidas em jejum?


Não.




Pode-se colher urina menstruada?


Não deve, pois, o exame acusará presença de sangue sem ser de origem urinária, o que pode induzir o seu médico a uma má interpretação. O ideal é aguardar 3 dias após o termino do fluxo, no entanto, se for urgente, poderá ser coletada após rigorosa higiene e uso de tampão vaginal.




Exames que pedem jejum têm que ser feitos sempre de manhã?


Nem todos. Desde que obedeça ao tempo estipulado de jejum, muitos podem ser colhidos à tarde. A flexibilização do jejum para os exames do perfil lipídico traz inúmeras vantagens para você e sua família, que poderá se organizar para colher os exames no horário mais conveniente e também evitar horário de pico no laboratório.




O que é a dieta habitual exigida por certos exames?


É a que você costuma comer no seu dia a dia. Portanto, essa instrução significa apenas o seguinte: não mude a alimentação. Para exame de perfil lipídico o ideal é manter a dieta habitual por 5 dias antes da coleta para ter um resultado mais preciso.




A alimentação também interfere nos resultados de colesterol e triglicérides?


Sim, mas principalmente no de triglicérides quando a dieta não for a habitual. Por exemplo, uma pessoa com triglicérides elevados e que adota uma dieta rígida na véspera do exame terá um resultado baixo. Já alguém com triglicérides normais, mas que come uma feijoada ou um churrasco ou ainda ingeriu bebida alcóolica no dia anterior, poderá apresentar um resultado aumentado.




Posso tomar remédio antes da coleta dos exames?


Sim, porém é indispensável que se anote o nome e informe a recepcionista (a recepcionista questionará). Essa medida é muito importante, pois alguns remédios interferem nas dosagens. Em exames onde será dosado o medicamento (Ex: Lítio, carbamazepina, etc), a coleta do sangue deverá ser antes da próxima dose ou conforme orientação médica.Sim, porém é indispensável que se anote o nome e informe a recepcionista (a recepcionista questionará). Essa medida é muito importante, pois alguns remédios interferem nas dosagens. Em exames onde será dosado o medicamento (Ex: Lítio, carbamazepina, etc), a coleta do sangue deverá ser antes da próxima dose ou conforme orientação médica.




No caso de exame de urina, tem que ser a “primeira da manhã”?


Não. Somente se seu médico solicitar. Se isso não acontecer a urina poderá ser colhida em qualquer horário do dia, com um intervalo de 3 horas sem urinar. Em casos de pessoas com dificuldade em reter a urina, coletar com o máximo de tempo que conseguir. Realizar a coleta em frascos fornecidos pelo laboratório




Dói colher sangue para exames?


Isso é muito variável, pois depende do grau de sensibilidade de cada pessoa. Os materiais utilizados na coleta pelo nosso laboratório são adequados para cada tipo de veia, de forma a minimizar este desconforto.





SIGA

CONTATO

Tels.: (18) 3226-0911

(18) 3226-0912

(18) 3226-0913

Presidente Prudente  - São Paulo

  • LINKEDIN UNILAB
  • LAB UNILAB
  • INSTAGRAM UNLAB

© 2017 criado por CDC Marketing